Jornal Aliança

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Notícias Geral Irmãos se reencontram após passar mais de 30 anos separados pelo destino

Irmãos se reencontram após passar mais de 30 anos separados pelo destino

E-mail

   Joaquim e Maria Helena de Cesário Lange, buscavam rever a irmã Eva de Oliveira

   Os irmãos Maria Helena e Joaquim Oliveira que moram em Cesário Lange (SP) puderam matar a saudade da irmã mais nova, Eva Oliveira, após passar mais de 30 anos separados pelo destino. O emocionante reencontro foi na casa da irmã em Rio Grande da Serra (SP), no domingo (24), com toda a família reunida.
Maria Helena conta que a mãe morreu durante o parto de Eva e com isso os irmãos foram separados. Helena e Joaquim ainda eram criança e continuaram morando com o pai em Manduri (SP). O bebê foi adotado pelo avô que morava em Barra Grande (SP). Até aí, mesmo vivendo em cidades diferentes eles sempre visitaram um ao outro, mas com a morte do pai, os dois irmãos tiveram que ir morar com uma tia. O Avô e Eva mudaram de endereço. Eles passaram algum tempo procurando pela irmã e conseguiram reencontrá-la em 1985, em Rio Grande da Serra (SP), depois disso eles acabaram perdendo contato novamente e desde então Maria Helena e Joaquim buscavam rever a irmã.
   Eles voltaram diversas vezes à cidade onde se viram pela última vez, mas não encontraram nenhuma pista. Foi uma busca incansável. Eles escreveram cartas para diversos programas de televisão, entraram em contato com algumas pessoas de Rio Grande da Serra e nada. Até que na semana passada a família de Cesário Lange (SP) decidiu mobilizar uma campanha através das redes sociais e com a ajuda de um amigo da família, em menos de uma semana conseguiram encontrá-la.
   “Nós tentamos de tudo escrevemos para o programa da Eliana, do Rodrigo Faro, procuramos o nome dela em diversos lugares e estávamos desesperados por não conseguir nenhuma notícia. Até que a minha filha teve a ideia de lançar uma campanha nas redes sociais. No começo foi difícil expor a minha vida particular assim. Mas, teve muitos compartilhamentos e a notícia acabou chegando a um amigo da família que conseguiu encontrar o endereço dela”, disse Maria Helena.
   Com o endereço nas mãos, a família começou a buscar nas listas os telefones que eram daquela rua. Esta foi a única forma para poder encontrá-la, pois ela usa um sobrenome diferente nas redes sociais. “Todos que atendiam nós contávamos a nossa história e perguntávamos se conhecia a Eva. Foram muitas ligações até que a proprietária de uma floricultura de lá, atendeu o telefonema e disse que a conhecia. No mesmo dia a Eva nos ligou. Foi muito emocionante ouvir a voz dela de novo”, comentou a irmã.
   Maria Helena e Joaquim já voltaram para casa, mas com todos os contatos possíveis da irmã. Desde que se reencontraram, eles não ficam um dia sem se falar e a rede social que foi uma ferramenta essencial para esta conquista, continua sendo usada para encurtar as distâncias. Em fevereiro Eva e toda a família de Rio Grande da Serra devem visitar a família em Cesário Lange.

 
Joomla Slide Menu by DART Creations

Conteúdo Exclusivo

Seja um assinante e tenha acesso a este conteúdo! Ligue agora!(15) 3246-3700

Pesquisar no Site:

Você está conectado através do IP: 23.20.60.138